This site uses cookies and other tracking technologies to provide you with our services, enhance the performance and functionality of our services, analyze the use of our products and services, and assist with our advertising and marketing efforts.

Cookie Policy   Privacy Notice

Visit http://www.esabna.com/ for more information about our products.

Retrocessos de Chama: Como Evitar?

Print Print


O retrocesso de chama é uma das principais causas de acidentes com equipamentos oxicombustíveis.

Conhecido também por “engolimento de fogo”, o retrocesso ocorre fundamentalmente pela diferença entre as velocidades de saída dos gases e a velocidade de queima da chama. Para que o sistema opere corretamente é necessário que essas velocidades sejam iguais.



Causas mais comuns do Retrocesso de Chama

  •     Os reguladores ou o maçarico não estão corretamente ajustados (pressão/vazão);
  •     Insuficiência no sistema de fornecimento de gás;
  •     Obstrução no bico;
  •     O orifício do bico está aumentado, provavelmente devido ao uso incorreto da agulha de limpeza;
  •     Uma das mangueiras de gás está obstruída, ou o seu diâmetro é pequeno;
  •     Mistura gasosa (gás combustível + oxigênio) nas mangueiras.


Os retrocessos de chama são classificados em três tipos: retrocesso longo ou sustentado, retrocesso total ou retrocesso momentâneo. Todos eles são extremamente perigosos e podem acarretar graves acidentes.

Saiba quais são as principais causas de cada um e como evitá-los para uma operação segura.

 

longo_peq

Entenda mais sobre este tipo de retrocesso.

total_peq

Entenda mais sobre este tipo de retrocesso.

momentaneo_peq

Entenda mais sobre este tipo de retrocesso.

valvula
you_tube
Assista ao nosso vídeo sobre a segurança que as válvulas corta fogo oferecem.

 

Retrocesso de ChamaRetrocesso de Chama